PAI ESTUPRA AS PRÓPRIAS FILHAS E É PROCURADO PELA POLÍCIA



Após denúncias de abuso sexual de uma das vítimas, a polícia conseguiu chegar até uma residência em Breu Branco na região Sudeste do Pará, onde moravam o pai (estuprador) e duas filhas.

Assim que percebeu a chegada da polícia, um homem identificado como Francisco Alberto Martins, correu para a mata e fugiu. Policiais ainda tentaram capturá-lo, mas não foi possível.
Após denúncias de abuso sexual de uma das vítimas, a polícia conseguiu chegar até uma residência em Breu Branco na região Sudeste do Pará, onde moravam o pai (estuprador) e duas filhas.

Assim que percebeu a chegada da polícia, um homem identificado como Francisco Alberto Martins, correu para a mata e fugiu. Policiais ainda tentaram capturá-lo, mas não foi possível.

De acordo com o delegado responsável pelo caso Rommel Souza, a vítima de 16 anos, era mantida cativa pelo acusado. “Ela era estuprada desde os 08 anos, quando completou 13 anos, engravidou do pai. Ela vinha sendo estuprada constantemente”. Afirmou o delegado.

“Ocorre, que o Francisco decidiu estuprar a irmã mais nova, então, a mais velha decidiu fugir e foi a Depol denunciar. Conseguimos perseguir ele hoje a tarde, mas ele conseguiu fugir. A Policia Civil representou pela prisão preventiva do mesmo e o Poder Judiciário já decretou, autorizando, inclusive, a divulgação da imagem”. Exclama Rommel Souza, delegado de polícia civil de Breu Branco.

O Acusado está escondido na mata e as buscas continuam, mas a contribuição da população é de extrema importância neste momento, no fornecimento de informações que possam levar ao paradeiro dele.

O caso foi registrado na delegacia de polícia civil em Breu Branco e encaminhado a 15ª seccional urbana de polícia civil de Tucuruí.

Informações podem ser repassadas de forma sigilosa, através do 190. 

 Fonte: sistema floresta de comunicação 
PAI ESTUPRA AS PRÓPRIAS FILHAS E É PROCURADO PELA POLÍCIA PAI ESTUPRA AS PRÓPRIAS FILHAS E É PROCURADO PELA POLÍCIA Reviewed by Juno Brasil on 15:47:00 Rating: 5

Nenhum comentário

tempo em canaã dos carajás